segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Queremos a "centena" de Jonas...

Jonas (Foto ASF)Se for utilizado, amanhã, diante do Estoril, na primeira mão das meias-finais da Taça de Portugal – e, segundo A BOLA, tudo indica que o será - Jonas vai fazer o jogo 100 com a camisola dos encarnados, num percurso que começou num Benfica-Arouca, a 5 de outubro de 2014. Nesse encontro marcou um golo, e começou aí uma história bonita entre o brasileiro de 32 anos e as águias, uma história cujo fim ainda não é previsível. 
Jonas espreita, inclusive, o regresso à titularidade na Amoreira, depois de uma cervidorsalgia o ter limitado nas últimas semanas. Dores nas costas que o tiraram do jogo com o Dortmund, da Liga dos Campeões, e da visita a Braga, para a Liga. O camisola 10 regressou à equipa na sexta-feira passada, com o Chaves, ao entrar na segunda parte para o lugar de Salvio. 

O internacional brasileiro tem 99 encontros pelo Benfica, a grande maioria na Liga (71). Participou ainda em 12 partidas da Taça da Liga, cinco na Taça de Portugal e nove encontros na Liga dos Campeões. Tem ainda duas finais da Supertaça Cândido de Oliveira pelo Benfica, uma ganha (a de 2016 ao SC Braga), outra perdida, com o Sporting, em 2015. Não fosse a paragem de quase três meses, na sequência de uma lesão no pé direito, e Jonas já teria mais de cem jogos com a camisola do Benfica.

Curiosamente, o avançado brasileiro marcou em todas as provas em que participou pelos encarnados, inclusive na Supertaça. Ao todo, já são 76 remates certeiros pelas águias, que o deixaram no terceiro lugar na lista de melhores marcadores estrangeiros da história do Benfica, atrás de Óscar Cardozo (171) e Mats Magnusson (84). FONTE
________________________________________________________

E por agora é só. Amanhã, é mais um dia para apoiar incondicionalmente o Benfica, com toda a devoção, crença e fé.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

BENFICA SEMPRE DE ESTÁDIOS CHEIOS, DE AMOR AO NOSSO CLUBE

Foto Rui Raimundo/ASF
«É gratificante jogar num estádio cheio com esta camisola» - Jonas

Jonas, autor de dois golos no triunfo do Benfica sobre o Nacional (3-0), explicou a razão de ter apontado para o símbolo do clube na camisola após o segundo tento.

«Somos uns privilegiados por jogar numa grande equipa, com uma história incrível a nível mundial. É gratificante jogar num estádio cheio com esta camisola. Não sei se foi um dos meus melhores golos pelo Benfica, mas costumo arriscar fora da área. É colocado e gosto de pegar na bola assim», explicou o brasileiro em declarações à BTV

_____________________________________________________
Tenho andado aqui a pensar com os meus botões, sobre o que vou lendo e ouvido nas notícias à cerca da posição do Glorioso. Dizem; Benfica voltou à liderança. Confesso que está a ser difícil de entender, Mas estávamos noutra posição que não fosse a liderança? Não me lembro nada!

Dá vontade de rir, esta comunicação social e afins. Só porque, alguém se babou e pareciam pavões "inchados"durante umas 20 horas com um lugar que não lhes pertencia! 

Benfica voltou sim, às vitórias sem que, tivesse perdido a posição de LIDERANÇA. Anote-se!!